“Muros e Grades”

“Muros e Grades”

.
muros e grades
pedra, cimento
areia, água
aço e saudade
da vista que ali tinha
do ir e vir que livre
percorria
meus pés e olhares
o último tijolo assentado
e o peito apertado
na impotência do não
quem manda levantar muros
deve mesmo
ter grades no coração
.

Gabriel Kieling

 

f: borde reuters